PISCICULTURE PRODUCTION IN ORÓS CITY, STATE OF CEARÁ

Abstract

Pisciculture appears in contemporary times as an alternative for sustainable development. This research aimed to characterize the production of fish farming and the subjects involved in this activity in the regional section of the Orós reservoir, a homonymous municipality, the Ceará central-south region. It is a basic case study, with exploratory and descriptive objectives and a mixed approach. The participating subjects responded to an interview and presented the structures of their farms and the production records. The study reveals fish farming as a potential economic activity to be developed in the region. However, challenges such as relations with suppliers and employees, together with the uncertainty of water availability and the conflicting management of water resources make the activity risky for producers.

Author Biographies

Emmanuel Teixeira Pinheiro, Federal University of Cariri (UFCA), Brazil

Master in Sustainable Regional Development from the Federal University of Cariri (UFCA) and Professor at the Vale do Salgado University Center (UniVS).

Marcelo Martins de Moura Fé, Regional University of Cariri (URCA), Brazil

Professor at the Regional University of Cariri (URCA) and at the Postgraduate Program in Sustainable Regional Development (PRODER/UFCA).

Jeniffer de Nadae, Federal University of Itajubá (UNIFEI), Brazil

Professor at the Federal University of Itajubá (UNIFEI) and at the Postgraduate Program in Sustainable Regional Development (PRODER/UFCA).

References

ALVES, M. A. A aplicabilidade dos princípios de economia solidária nos sítios Jurema e Pereira – Orós-CE. 2012. Dissertação (Mestrado em Administração de Empresas) – Programa de Pós-Graduação em Administração de Empresas. Universidade de Fortaleza (UNIFOR). Disponível em: http://bdtd.ibict.br/vufind/Record/UFOR_d2620eba9afb45dd804a81650d6720af. Acesso em: 10 ago. 2020.

BALDIN, N.; MUNHOZ, E. M. B. Snowball (bola de neve): uma técnica metodológica para pesquisa em educação ambiental comunitária. X Congresso Internacional de Educação, Pontifícia Universidade Católica do Paraná – Curitiba, 7 a 10 de novembro de 2011. Disponível em: . Acesso em: 07 ago. 2020.

BARROSO, R. M. et al. Dimensão socioeconômica da tilapicultura no Brasil. Brasília, DF: EMBRAPA, 2018.

BRASIL, M. da E. FNDE atualiza normas do programa nacional de alimentação escolar. Terça, 12 Maio 2020. Disponível em: https://www.fnde.gov.br/index.php/acesso-a-informacao/institucional/area-de-imprensa/noticias/item/13514-fnde-atualiza-normas-do-programa-nacional-de-alimenta%C3%A7%C3%A3o-escolar. Acesso em 2 nov. 2020.

CAMPOS, C. M.; GANECO, L. N.; CASTELLANI, D. MARTINS, M. I. E. Avaliação econômica da criação de tilápias em tranques-rede, município de Zacarias, SP. B. Inst. Pesca, São Paulo, 33(2): 265 - 271, 2007. Disponível em: https://www.pesca.sp.gov.br/33_2_265-271.pdf. Acesso em: 28 out. 2020.

CARVALHO, W. M. et al. Caracterização do perfil dos piscicultores do lago de Sobradinho e região. XII Congresso Nordestino de Produção Animal-CNPA, 2017. Disponível em: https://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/bitstream/doc/1086689/1/Caracterizacaodoperfil....pdf. Acesso em 26 set. 2020.

CEARÁ, Governo do Estado do. Inventário ambiental 2011: açude Orós. Fortaleza, Ceará, 2011. Disponível em: https://portal.cogerh.com.br/wp-content/uploads/pdf/inventarios/2011/Inventario%20Ambiental%20do%20Acude%20Oros%202011.pdf. Acesso em 25 set. 2020.

CEARÁ, Governo do Estado do. Comitê da sub bacia hidrográfica do alto Jaguaribe. Secretaria de Recursos Hídricos. Disponível em: https://www.srh.ce.gov.br/comite-da-sub-bacia-hidrografica-do-alto-jaguaribe/. Acesso em: 05 nov. 2020.

COSTA, P. R. da. Estatística. Universidade Federal de Santa Maria, Colégio Técnico Industrial de Santa Maria, Curso Técnico em Automação Industrial, 2011.

CRESWELL, J. W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. Porto Alegre: Artmed, 2010.

CSBHAJ, Comitê da Sub-bacia Hidrográfica do Alto Jaguaribe. Ata do XXVI Seminário de Alocação Negociada das Águas dos Vales Jaguaribe e Banabuiú, no dia 04 de julho de 2019. Disponível em: http://www.csbhaj.com.br/atas/ata-do-xxvi-seminario-de-alocacao-negociada-das-aguas-dos-vales-jaguaribe-e-banabuiu-04-07-2019/. Acesso em: 05 nov. 2020.

CSBH, Comitê de Sub-bacia Hidrográfica do Médio Jaguaribe. Ata da 56ª reunião ordinária do comitê da sub-bacia hidrográfica – SSBH do médio Jaguaribe, no dia 15 de junho de 2018. Disponível em: http://www.csbhmj.com.br/wp-content/uploads/2018/07/Ata56ROCSBHMJ.pdf. Acesso em: 05 nov. 2020.

DE SORDI, J. O. Desenvolvimento de Projetos de Pesquisa. São Paulo: Saraiva, 2017.

EMBRAPA, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Piscicultura em tanques-rede. Brasília, DF: Embrapa, 2009.

FAO, Organización de las Naciones Unidas para la Alimentación y la Agricultura. El estado mundial de la pesca y la acuicultura 2018. ISBN 978-92-5-130688-8. Disponível em: http://www.fao.org/3/i9540es/I9540ES.pdf. Acesso em: 06 ago. 2020.

FERREIRA, D.; BARCELLOS, L. J. G. Enfoque combinado entre as boas práticas de manejo e as medidas mitigadoras de estresse na piscicultura.
B. Inst. Pesca, São Paulo, 34(4): 601 - 611, 2008. Disponível em: https://www.pesca.agricultura.sp.gov.br/34_4_601-611.pdf. Acesso em 30 out. 2020.

FREITAS, C. O.; ROCHA, C. T.; LOOSE, C. E.; SILVA, J. S. Gestão de custo e viabilidade de implantação de piscicultura no município de Urupá em Rondônia, Amazônia – Brasil. XXII Congresso Brasileiro de Custos – Foz do Iguaçu, PR, Brasil, 11 a 13 de novembro de 2015. Disponível em: https://anaiscbc.emnuvens.com.br/anais/article/viewFile/3937/3938. Acesso em: 28 out. 2020.

FUNCEME, Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos. Sistema Integrado Jaguaribe – RMF, 2020. Disponível em: http://www.hidro.ce.gov.br/hidro-ce-zend/app/pagina/show/162. Acesso em: 05 nov. 2020.

FURTADO, Celso. Formação econômica do Brasil. 34 ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

GASTALDI, J. P. Elementos de economia política. 19 ed. São Paulo: Saraiva, 2005.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2010.

HONÓRIO, E. O despertar da memória. Fortaleza: Secult, 2006.

IPECE, Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará. Distribuição de empresas industriais segundo tipo de atividade – 2017. Disponível em: http://www2.ipece.ce.gov.br/atlas/capitulo5/52/524x.htm. Acesso em: 02 nov. 2020.

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. População, 2010. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/ce/oros/panorama. Acesso: em 05 ago. 2020.

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Pecuária, 2019. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/ce/pesquisa/18/16459. Acesso em: 05 ago. 2020.

KUBITZA, F. Tilapicultura consolida desenvolvimento econômico e social, mas piscicultores ainda lutam por licenciamento. Revista Panorama da Aquicultura, v. 21, n. 127, setembro/outubro – 2011. Disponível em: https://panoramadaaquicultura.com.br/acude-de-oros/. Acesso em: 23 out. 2020.

LEFEVRE, F.; LEFEVRE, A. M. Depoimentos e discursos: uma proposta de análise em pesquisa social. Brasília: Libre Livro Editora, 2005.

LEMES JUNIOR, A. B.; PISA, B. J. Administrando micro e pequenas empresas: empreendedorismo & gestão. 2. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2019.

LIMA, A. F. Sistemas de produção de peixes. Brasília, DF: Embrapa, 2013.

LOPES, J. M.; SANTOS, M. D. C.; GOMES, A. M. N.; PINTO, F. E. N.; SOUSA, A. W. S.; MARQUES, N. C. Caracterização da piscicultura familiar na região do Baixo Parnaíba – Araioses/MA. Extensio: R. Eletr. de Extensão, ISSN 1807-0221 Florianópolis, v. 17, n. 36, p. 41-60, 2020. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/extensio/article/view/1807-0221.2020v17n36p41/43986. Acesso em: 1º nov. 2020.

MARCONI, M. de A.; LAKATOS, E. M. Fundamentos de metodologia científica. 5 ed., São Paulo: Atlas, 2003.

MAGALDI, S.; NETO, J. S. Gestão do amanhã. 8 ed. São Paulo: Editora Gente, 2018.

MAXIMIANO, A. C. A. Introdução à teoria geral da administração. 3 ed. São Paulo: Atlas, 2015.

MORO, G. V.; TORATI, L. S.; LUIZ, D. B.; MATOS, F. T. Monitoramento e manejo da qualidade da água em pisciculturas. Brasília, DF: Embrapa, 2013.

NOGUEIRA, J. M. A história do município de Orós. Fortaleza, CE: Unifor, 2016.

OSTRENSKY, A.; BOEGER, W. Piscicultura: fundamentos e técnicas de manejo. Guíba: Agropecuária, 1998.

PEIXE BR. Anuário Brasileiro da Piscicultura, 2020. Disponível em: https://www.peixebr.com.br/anuario-2020/. Acesso em: 05 ago. 2020.

PINHEIRO, E. T.; MOURA-FÉ, M. M.; NADAE, J. de. A influência da piscicultura nos indicadores socioeconômicos do município de Orós. 2020. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional. No prelo.

PRODANOV, C. C.; FREITAS, E. C. de. Metodologia do trabalho científico: métodos e técnicas de pesquisa e do trabalho acadêmico. 2. ed. Novo Hamburgo: Feevale, 2013.

RODRIGUES, A. P. O.; BERGAMIN, G. T.; SANTOS, V. R. V. Nutrição e alimentação de peixes. São Paulo: Embrapa, 2013.

SACHS, I. Caminhos para o desenvolvimento sustentável. Rio de Janeiro: 2009.

SAMPAIO, A. R. Piscicultura. Fortaleza: Demócrito Rocha, Centec, 2013. Disponível em: https://drive.google.com/file/d/1NmI_JHp0HkLwKk-k7rG1JfZshvO-WnbJ/view. Acesso em: 2 nov. 2020.

SEN, A. Desenvolvimento como liberdade. São Paulo: Companhia das Letras, 2010.

SIDONIO, L. CAVLCANTI, I. CAPANEMA, L. MORCH, R. MAGALHÃES, G. LIMA, J. BURNS, V. ALVES JUNIOR, A. J., MUNGIOLI, R. Panorama da aquicultura no Brasil: desafios e oportunidades. BNDES Setorial, n. 35, p. 421-463, 2012. Disponível em: https://web.bndes.gov.br/bib/jspui/bitstream/1408/1524/1/A%20Set.35_Panorama%20da%20aquicultura%20no%20Brasil_P.pdf. Acesso em: 02 nov. 2020.

SILVA, V. P. A.; REIS, S. A.; LEITÃO, F. Localização de instalações: um estudo de caso aplicado à piscicultura no DF. XXXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção. Maceió, Alagoas. Brasil, 16 a 19 de outubro de 2018. Disponível em: https://pdfs.semanticscholar.org/411a/62e756d669980559b1744ac9e7609af98355.pdf. Acesso em: 1º nov. 2020.

SILVA, N. J. R. da. Dinâmicas de desenvolvimento da piscicultura e políticas públicas. São Paulo: UNESP, 2008.

SMITH, A. A riqueza das nações. São Paulo: Hanter Book, 2014.

SOBRINHO, M. da S., FILHO, E. H. C., SOUSA, G. dos S., OLIVEIRA, A. C. M., ARAGÃO, M. E. C. Panorama do licenciamento ambiental das indústrias de envase de água no Ceará e os impactos dessa atividade ao meio ambiente frente às mudanças climáticas. Braz. J. Anim. Environ. Res., Curitiba, v. 2, n. 2, p. 850-856, abr./jun. 2019. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BJAER/article/view/1735/1663. Acesso em 02 nov. 2020.

SOUSA, E. C. P. M.; TEIXEIRA FILHO, A. R. Piscicultura fundamental. São Paulo: Nobel, 2007.

VEIGA, J. E. da. Desenvolvimento sustentável: o desafio do século XXI. Rio de Janeiro: Garamond, 2010.
Published
20/06/2021
How to Cite
PINHEIRO, Emmanuel Teixeira; MOURA FÉ, Marcelo Martins de; NADAE, Jeniffer de. PISCICULTURE PRODUCTION IN ORÓS CITY, STATE OF CEARÁ. Geosaberes, Fortaleza, v. 12, p. 226 - 243, june 2021. ISSN 2178-0463. Available at: <http://geosaberes.ufc.br/geosaberes/article/view/1183>. Date accessed: 05 dec. 2021. doi: https://doi.org/10.26895/geosaberes.v12i0.1183.
Section
ARTICLES