Patrimônio geoeducacional na formação simbólica de municípios-santuários na américa do sul

  • Christian Dennys Monteiro de OLIVEIRA Universidade Federal do Ceará
  • João Fernando Marques ARAÚJO Universidade Federal do Ceará
  • Kelly dos Santos TAVARES Universidade Federal do Ceará

Abstract

A investigação aqui apresentada sistematiza uma etapa preliminar de um projeto em Geografia da Comunicação. Ele estuda questão patrimonial, articulada ao conceito de geoeducação. Utiliza leituras epistemológicas sobre imaginação criadora e dialogismo responsável (com base em Bachelard e Bakhtin), para avaliarnove santuários sul-americanos (três em Brasil, Argentina e Bolívia). Objetivo central é dar relevância ao âmbito municipal das estratégias devocionais, por intermédio da irradiação do vetor midiático. O núcleo teórico-metodológico pretende desenvolver dois conceitos emergentes na educação geográfica: “Matergrafia” e “Teopolifonia”, usados nas tipologias dos municípios-santuários em escalas regionais distintas. A leitura preliminar da difusão midiática desses municípios indicou uma forte restrição comunicacional no patrimônio desses locais; especialmente aqueles comprometidos com a escala nacional da devoção. Há um desperdício geoeducacional da religiosidade mariana, principalmente nos santuários nacionais. O que fortalece a atenção redobrada na formação simbólica na análise desses lugares quando forem incluídos outros vetores e novos municípios latino-americanos.  

How to Cite
OLIVEIRA, Christian Dennys Monteiro de; ARAÚJO, João Fernando Marques; TAVARES, Kelly dos Santos. Patrimônio geoeducacional na formação simbólica de municípios-santuários na américa do sul. Geosaberes, Fortaleza, v. 6, n. 3, p. 54 - 71, july 2015. ISSN 2178-0463. Available at: <http://geosaberes.ufc.br/geosaberes/article/view/456>. Date accessed: 27 feb. 2021.

Keywords

Educação Patrimonial, Estratégia Devocional, Município-Santuário.