A gestão dos resíduos sólidos no município de cascavel, ceará: fragilidade ambiental, social e política

  • Clerijane Nascimento TORRES UECE

Abstract

Pressupondo que a degradação ambiental não é apenas questão geoecológica, e sim resultado das sobreposições históricas da produção material, sobretudo do modo industrial de produzir mercadorias, nos propomos, neste breve trabalho, a compreender a gestão dos resíduos sólidos no município de Cascavel-CE. Investigamos como o Poder Público Local executa a gestão dos resíduos sólidos, desde a logística até a deposição final dos rejeitos, realizada em lixão; analisando também a gestão das unidades privadas; e a fração dos resíduos reciclados através do degradante trabalho de catação realizado no lixão. Com isso, observaremos a falta de controle social e ambiental e a ausência de interação entre órgãos e secretarias da municipalidade como reflexo da fragilidade da administração pública; e desencontros entre estes e as esferas estadual e federal com relação as políticas aplicadas a problemática dos resíduos sólidos. 
How to Cite
TORRES, Clerijane Nascimento. A gestão dos resíduos sólidos no município de cascavel, ceará: fragilidade ambiental, social e política. Geosaberes, Fortaleza, v. 6, n. 3, p. 84 - 97, july 2015. ISSN 2178-0463. Available at: <http://geosaberes.ufc.br/geosaberes/article/view/459>. Date accessed: 27 feb. 2021.

Keywords

resíduos sólidos, administração pública, produção do espaço, fragilidade ambiental.