Os conflitos ambientais da implantação do imobiliário-turístico no litoral de sergipe, brasil

  • Priscila Pereira SANTOS UFS
  • José Wellington Carvalho VILAR IFS

Abstract

Entre casas de praia e turismo, o mercado imobiliário e o setor turístico articulam-se de maneira integrada e concebem o imobiliário-turístico. O objetivo do presente artigo é analisar os conflitos ambientais da implantação do imobiliário-turístico no litoral de Sergipe, especificamente na Praia da Costa, no município da Barra dos Coqueiros. Para tanto, os procedimentos metodológicos utilizados foram basicamente os seguintes: pesquisa bibliográfica, pesquisa documental e trabalho de campo. Os conflitos ambientais são analisados tendo em vista as repercussões territoriais apontadas pelos moradores permanentes e pelos Estudos de Impacto Ambiental (EIA) dos empreendimentos. Os conflitos ambientais da implantação do imobiliário-turístico mostram-se como um elemento da dinâmica de (re)construção dos territórios. Nesta geografia do movimento, a Praia da Costa e suas territorialidades tendem a reinventar-se.

How to Cite
SANTOS, Priscila Pereira; VILAR, José Wellington Carvalho. Os conflitos ambientais da implantação do imobiliário-turístico no litoral de sergipe, brasil. Geosaberes, Fortaleza, v. 6, n. 3, p. 360 - 374, july 2015. ISSN 2178-0463. Available at: <http://geosaberes.ufc.br/geosaberes/article/view/483>. Date accessed: 27 feb. 2021.

Keywords

Imobiliário-turístico; conflitos ambientais; Litoral.