Expansão urbana de boa vista (rr) e os reflexos sobre a desigualdade socioespacial

Resumo

O artigo discute a expansão urbana de Boa Vista e seus reflexos sobre a desigualdade socioespacial. Única capital brasileira acima da linha do equador, no estado mais setentrional do país, Boa Vista mais que quadruplicou sua população nas últimas décadas, especialmente a partir do reconhecimento de Roraima como estado pela Constituição Federal de 1988 e hoje concentra mais de 63% de toda a população desta unidade da federação. De abordagem mista, natureza descritiva e elaborado a partir de pesquisa bibliográfica e documental, o estudo revela que a rápida expansão urbana de Boa Vista alterou significativamente, além do modelo espacial da cidade, o meio ambiente e as relações sociais que nele se estabelecem e que, embora o município tenha apresentado melhoras nos índices de vulnerabilidade social, aprofundam-se as desigualdades socioespaciais.

Biografia dos Autores

Janaine Voltolini de Oliveira, Universidade Estadual de Roraima

Professora do curso de Serviço Social da Universidade Estadual de Roraima (UERR). Doutoranda em Geografia pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Maria Clélia Lustosa Costa, Universidade Federal do Ceará

Professora Associada do Departamento de Geografia da Universidade Federal do Ceará. Coordenadora do núcleo Fortaleza da Rede Observatório das Metrópoles: território, coesão social e governança democrática (INCT).

Referências

BRASIL. Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990. Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências. Disponível em: . Acesso em: 10 mar. 2017.
BRASIL. Lei Nº 12.587, de 3 de janeiro de 2012. Institui as diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana. Revoga dispositivos dos Decretos Leis nºs 3.326, de junho de 1941 e 5.405, de 13 de abril de 1943, da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), aprovada pelo Decreto-Lei nº 5.452, de 1º de maio de 1943, e das Leis nºs 5.917, de 10 de setembro de 1973 e 6.261, de 14 de novembro de 1975, e dá outras providências. Presidência da República, Casa Civil, Subchefia para assuntos jurídicos. Disponível em: ˂https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12587.htm˃. Acesso em: 13 mai. 2016.
BRASIL. Relatório de Informações Sociais Bolsa Família e Cadastro Único – Roraima. Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome. Secretaria de Avaliação e Gestão da Informação. Disponível em: ˂http://aplicacoes.mds.gov.br/sagi/RIv3/geral/relatorio.php#Vis%C3%A3o%20Geral˃. Acesso em: 25 nov. 2016.
CADASTRO Nacional de Estabelecimentos de Saúde – CNES. Disponível em: CONFEDERAÇÃO Nacional dos Municípios - CNM. Mapa dos municípios. Disponível em: ˂http://www.cnm.org.br/municipios/index/100114/˃. Acesso em: 20 nov.2016.
CORRÊA, R.L. O espaço urbano. São Paulo: Editora Ática (Série Princípios, 3.ed., nº. 174), 1995.
DINIZ, A.M. A. Fluxos migratórios e formação da rede urbana de Roraima. Geografia, Rio Claro, v. 33, n. 2, 2008, p. 269-287.

FUNDAÇÃO Nacional do Índio – FUNAI. Terras indígenas de Roraima. Disponível em: . Acesso em: 13 fev. 2017.
INSTITUTO Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Censo Demográfico 2010. Disponível em: ˂http://www.censo2010.ibge.gov.br/˃. Acesso em: 30 ago. 2016.
INSTITUTO Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Censo Demográfico 2000. Disponível em: ˂ http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2000/˃. Acesso em: 30 ago. 2016.
INSTITUTO Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Censo demográfico 1991, contagem populacional 1996, Censo Demográfico 2000, Contagem Populacional 2007, Censo Populacional 2010, Estimativa Populacional 2016. Disponível em: . Acesso em 10 fev. 2017.
INSTITUTO Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Estimativa da população residente no Brasil e unidades da federação com data de referência em 1º de julho de 2016. Disponível em: ˂http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/estimativa2016/estimativa_tcu.shtm˃. Acesso em: 18 nov. 2016.
INSTITUTO Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Histórico de Boa Vista - 2013. Disponível em: . Acesso em 16 fev. 2017.
INSTITUTO Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. Os indígenas no Censo Demográfico 2010: primeiras considerações com base no quesito cor ou raça. Rio de Janeiro: 2012. Disponível em: . Acesso em: 16 de fevereiro de 2017.
INSTITUTO Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. População nos censos demográficos, segundo municípios das capitais – 1872/2010. Disponível em: . Acesso em: 10 fev. 2017.
INSTITUTO de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA. Atlas da vulnerabilidade social nos municípios brasileiros. Editores: Marco Aurélio Costa, Bárbara Oliveira Marguti. – Brasília: IPEA, 2015. 77 p.
INSTITUTO Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - INEP. Indicadores da Qualidade da Educação Superior. Disponível em: ˂http://portal.inep.gov.br/educacao-superior/indicadores˃. Acesso em: 18 nov. 2016.
MONTEIRO, A.R.; VERAS, A.T.R. O Programa Minha Casa, Minha Vida e a produção do espaço urbano na cidade de Boa Vista – RR. Revista de Direito da Cidade, v.7, nº3, p. 1180-1199. Rio de Janeiro - RJ, 2015.
COSTA, E.; BRANDÃO, I.; OLIVEIRA, V. Fuga da fome: como a chegada de 40 mil venezuelanos transformou Boa Vista. G1RR. Disponível em: . Acesso em: 6 fev. 2018.
PARENTE, L. A.; GONÇALVES, P.M; SILVA, M. M. P. Logística urbana: o planejamento como ferramenta de gestão para mobilidade urbana no município de Boa Vista – RR. XII SEGeT – Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia – Otimização de Recursos e Desenvolvimento. Rio de Janeiro, 2015.
PREFEITURA Municipal de Boa Vista (PMBV). Lei Complementar nº 924, de 28 de novembro de 2006. Dispõe sobre o Plano Diretor Estratégico e Participativo de Boa Vista e dá outras providências.
PREFEITURA Municipal de Boa Vista (PMBV). Informações Básicas do Município e Síntese da Situação Socioeconômica. Diário Oficial de Boa Vista nº 3724, de 23 de julho de 2014. (anexo II da Lei Municipal nº 1.552, de 10 de janeiro de 2014) – Disponível em: ˂http://www.boavista.rr.gov.br/ArquivosDinamicos/2014/07/23072014151950.pdf˃. Acesso em: 31 ago. 2015.
PROGRAMA das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal Brasileiro. 96p. – (Atlas do desenvolvimento humano no Brasil). Brasília: PNUD, Ipea FJP, 2013.
SANTOS, M. Metamorfoses do espaço habitado: fundamentos teórico e metodológico da geografia. São Paulo: Hucitec, Edusp, 1988.
SANTOS, M. O espaço dividido: os dois circuitos da economia urbana. 2.ed. São Paulo: Edusp, 2008.
SECRETARIA de Estado da Saúde de Roraima – SESAU. Informações - Rede de Atendimento. Disponível em: ˂https://www.saude.rr.gov.br/˃. Acesso em: 29 ago. 2016.
SECRETARIA DE de Estado do Planejamento e Desenvolvimento – SEPLAN. Informações Socioeconômicas do Município de Boa Vista - RR 2014, 4ª edição. Elaboração: DIEP. Boa Vista – RR, 2014. 87 pag.
SECRETARIA DE de Estado do Planejamento e Desenvolvimento – SEPLAN. Produto Interno Bruto Estadual e Municipal Nova Base 2010 a 2013. Elaboração: DIEP. Boa Vista – RR, 2016.
SECRETARIA DE de Estado do Planejamento e Desenvolvimento – SEPLAN. Roraima: Indicadores Gerais - 2012. Elaboração: DIES. 1ª edição. Boa Vista - RR, 2014. 72 pag.
SERVIÇO Nacional de Aprendizagem Comercial - SENAC. Cursos Técnicos. Disponível em: ˂http://www.rr.senac.br/portal/index.php/cursos/cursos-tecnicos˃. Acesso em: 17 nov. 2016.
SERVIÇO Nacional de Aprendizagem Industrial - SENAI. Educação Profissional. Disponível em: ˂http://www.rr.senai.br/site/educacao-profissional˃. Acesso em: 17 nov. 2016.
SERVIÇO Social do Transporte/Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte – SEST/SENAT. Desenvolvimento profissional. Disponível em: ˂http://www.sestsenat.org.br/Paginas/cursos-presenciais-sest-senat˃. Acesso em: 17 nov. 2016.
SISTEMA Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica - SISTEC. Disponível em: ˂http://sitesistec.mec.gov.br/˃. Acesso em: 17 nov. 2016.
SOUZA, C. M. Boa Vista/RR e as migrações: mudanças, permanências, múltiplos significados. Boa Vista: Revista Acta Geográfica, Boa Vista, ano III, n. 5, 2009, p. 39-62.
SOUZA, C. M. Introdução. In: MAGALHÃES, M.G.S.D.; SOUZA, C.M. (Org.). Roraima/Boa Vista: Temas sobre o local e o regional. Boa Vista: Editora da UFRR, 2012.
SPOSITO, M. E. B. A produção do espaço urbano: escalas, diferenças e desigualdades socioespaciais. In: CARLOS, A. F. A.; SOUZA, M. L. de; SPÓSITO, M. E. B. (Orgs.). A produção do espaço urbano: agentes e processos, escalas e desafios. São Paulo: Contexto, 2013.
STAEVIE, P.M. Expansão urbana e exclusão social em Boa Vista – Roraima. Oculum Ensaios: revista de arquitetura e urbanismo, Campinas, n. 13, 2011, p. 68-87.
TRIBUNAL Regional Eleitoral de Roraima (TRE). Boa Vista atingiu mais de 203 mil eleitores. ˂Disponível em: http://www.tre-rr.jus.br/imprensa/noticias-tre-rr/2016/Julho/boa-vista-atingiu-mais-de-203-mil-eleitores˃. Acesso em: 20 jul. 2016.
VERAS, A. T. R. A produção do espaço urbano de Boa Vista – Roraima. 2009. 236 f. Tese (Doutorado em Geografia Humana). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009.
VERAS, A. T. R. Rugosidades e tendências atuais na dinâmica de produção do espaço urbano de Boa Vista. In: MAGALHÃES, M.G.S.D.; SOUZA, C.M. (Orgs.). Roraima/Boa Vista: Temas sobre o local e o regional. Boa Vista: Editora da UFRR, 2012.
Publicado
24/04/2018
Como Citar
OLIVEIRA, Janaine Voltolini de; COSTA, Maria Clélia Lustosa. Expansão urbana de boa vista (rr) e os reflexos sobre a desigualdade socioespacial. Geosaberes, Fortaleza, v. 9, n. 18, p. 1 - 18, abr. 2018. ISSN 2178-0463. Disponível em: <http://geosaberes.ufc.br/geosaberes/article/view/637>. Acesso em: 14 ago. 2018. doi: https://doi.org/10.26895/geosaberes.v9i18.637.
Seção
ARTIGOS

Palavras-chave

Boa Vista; Espaço urbano; Expansão urbana; Desigualdade socioespacial.