Perspectivas geográficas na linguagem do cinema: a cidade de Londres em 007 Operação Skyfall

Resumo

Partindo de uma análise do filme 007 – Operação Skyfallsob a direção geográfica, tem-se como objetivo desse estudo explorar as relações entre geografia e imagens a partir da representação do espaço urbano da cidade de Londres no cinema, através de recortes de cenas. Buscando ir além dos estudos já produzidos, o artigo busca o entendimento das paisagens cinematográficas, interpretando-as em uma visão geográfica os elementos que a compõe, relacioná-las com a realidade e buscar compreender os fatores que podem possibilitar a mudança no seu significado com a manipulação das paisagens reais. Considera-se que é possível as aproximações entre a geografia e a arte cinematográfica, conduzindo os novos pesquisadores a uma reflexão interdisciplinar do conhecimento a respeito do espaço urbano londrino.

Biografia dos Autores

Francisco Elvys Silva Lima, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), Brasil

Aluno de graduação em Gestão de Turismo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

Tiago Estevam Gonçalves, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), Brasil

Professor de Geografia do Departamento de Ensino do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

Referências

007 JAMES. The Site’s Bond, James Bond. Disponível em: Acesso em 13 abr. 2018.

AMANCIO, T. O Brasil dos gringos: imagens do cinema. Niterói: Intertexto, 2000.

ARMES, Roy. On Vídeo: o significado dos vídeos no meio de comunicação; (tradução de George Schlesinger). São Paulo: Summus. 1999.

BARBOSA, Jorge Luiz. Geografia e cinema: em busca de aproximações e do inesperado. In: CARLOS, Ana Fani A. (org.) A geografia em sala de aula. São Paulo: Contexto, 1999.

CALLAI, H. Estudar o lugar para compreender o mundo. In: CASTROGIOVANNI, A. C. (Org.). Ensino de geografia: práticas e textualizações no cotidiano. Porto Alegre: Mediação, 2000.

DEBRAY, Régis. Vida e Morte da Imagem: uma história do olhar no ocidente. Rio de Janeiro: Vozes, 1994.

FERREIRA, Glauco. “QWOCMAP: (auto)representações de mulheres queer e de cor e sua produção audiovisual nos EUA”. Revista Ártemis, 2012.

GUÉRON, Rodrigo. Da imagem ao clichê, do clichê à imagem: Deleuze, cinema e pensamento. Rio de Janeiro: NAU Editora, 2011.

HOLLYWOOD.COM. ‘Skyfall’: Hollywood.com Visits the Set of Bond’s the Latest Mission. Disponível em: Acesso em 22 abr. 2018.

JAMES BOND BRASIL. Daniel Craig. Diponível em: Acesso em 25 abr. 2018.

LEVY, Evelyn. Democracia nas cidades globais: um estudo sobre Londres e São Paulo. São Paulo: Studio Nobel, 1997.

LOPES, Rodrigo. A cidade internacional: o planejamento estratégico de cidades. Rio de Janeiro: Mauas, 1998.

MARX, Karl. Crítica da Economia Política. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1968.

METZ, Christian. A Significação no Cinema. São Paulo: Perspectiva, 2013.

NEVES, Alexandre Aldo. Geografias de cinema: do espaço geográfico ao espaço fílmico. Dourados - MS: Revista Entre-Lugar, 2010.

NOVAES, Sylvia Caiuby [et al.]. (orgs.). Escrituras da Imagem. São Paulo: Edusp, 2004.

PEIRCE, Charles S. Semiótica. São Paulo: Perspectiva, 2010.

RIMBERT, Sylvie. Approches des Paysages, L’Espace Géographique. Paris: Doin, 1973.

SALGUEIRO, Tim. Lisboa, Periferia e Centralidades. Oeiras: Celta Editora, 2001.

SANTOS, Milton. Metamorfose do Espaço Habitado: Fundamentos Teóricos e Metodológicos. 6ª ed. São Paulo: Edusp, 2012.

SANTOS, Milton. A Natureza do Espaço: Técnica e Tempo, Razão e Emoção. São Paulo: EDUSP, 2002.

SANTOS, Milton. O Brasil: território e sociedade no início do século XXI – 10ª ed. – Rio de Janeiro: Record, 2006.

SASSEN, Saskia. The Global City: New York, London, Tokyo. Princeton, Princeton University Press, 1991.

TELES, Reinaldo. Fundamentos geográficos do turismo. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009.
Publicado
01/09/2019
Como Citar
LIMA, Francisco Elvys Silva; GONÇALVES, Tiago Estevam. Perspectivas geográficas na linguagem do cinema: a cidade de Londres em 007 Operação Skyfall. Geosaberes, Fortaleza, v. 10, n. 22, p. 147 - 160, set. 2019. ISSN 2178-0463. Disponível em: <http://geosaberes.ufc.br/geosaberes/article/view/732>. Acesso em: 16 set. 2019. doi: https://doi.org/10.26895/geosaberes.v10i22.732.
Seção
ARTIGOS